menu lateral

DESENHO COMO PALAVRA, DESENHO COMO IMAGEM. EXPERIÊNCIAS DESENHADAS.
Constança Lucas

13 a 30 de setembro / 2012
Orientador: Prof. Dr. Evandro Carlos Jardim (ECA USP)

Constança Lucas tem privilegiado a poesia visual em seu trabalho: “o desenho é palavra, é imagem, são as minhas experiências desenhadas”, define. A artista leva em consideração as qualidades plásticas e gráficas da linha na construção dos desenhos de seus poemas visuais, que têm como fonte de reflexão os receptáculos, objetos tridimensionais com discursos próprios presentes no cotidiano da maioria das pessoas. Criando sintaxes gráficas e poéticas, os desenhos dos receptáculos e os desenhos das palavras se fundem em poemas.

A exposição apresenta livros de artista, desenhos e um painel digital que exibe os Diários de Desenhos da artista. Fundamentais para seu processo de criação, os Diários evidenciam o repertório visual de imagens e palavras escolhidas, vivenciadas e incorporadas à sua poética. Desde 2001, Constança reúne um desenho sobre papel para cada dia, sempre no mesmo formato (10x14cm). “São desenhos como registros de memórias através de palavras, linhas, texturas, matérias gráficas, somas das reflexões do cotidiano, das leituras e dos sonhos” diz a artista.

Constança Lucas realiza exposições desde 1982 e tem o seu trabalho de arte exposto na internet desde 1995.

Galeria

Localização

Contato


Crédito | Conteúdo