As três gravuras “No espelho do mágico no.1, no.2 e no.3", com fragmentos de imagens eróticas femininas, invertidas, como que refletidas no espelho compõem com a série das “Ligas”, desenhos em torno do feminino, do mito da Grande Mãe, do mistério que é para o homem o universo da mulher.

O primeiro ‘happening’ acontecido em 1963, no João Sebastião Bar, em São Paulo, realizou-se às escuras, quando os presentes com lanternas iluminavam passo a passo estes desenhos, frutos de um trabalho ritual de abordagem do corpo feminino que vai sendo aos poucos revelado.

Obras primaciais do Realismo Mágico expressam a contínua proposição do artista de trabalhos que desencadeiam associações, meditações, introspecções.

Daisy Peccinini
No espelho do mágico... nº1, 1964
Ponta seca s/ papel, 48 x 62.5 cm
Prêmio Aquisição I Jovem Gravura Nacional


No espelho do mágico... nº2, 1964

Ponta seca s/ papel, 63.1 x 45.3 cm
Doação Artista

No espelho do mágico... nº3, 1964
Ponta seca s/ papel, 61.8 x 45.4 cm
Doação Artista