Clique para ampliar. Referência: GONÇALVES, Lisbeth Rebollo (org.). Tendências Construtivas no Acervo do MAC/USP: construção, medida e proporção. Rio de Janeiro: Centro Cultural Banco do Brasil, 1996. p. 43

Elevação vertical com movimento horizontal, 1955

Esta obra é representativa da fase concreta de Hermelindo Fiaminghi, antes de suas pesquisas com a corluz. O artista construiu a obra com elementos industriais, tanto no que se refere às formas geométricas e à economia de cores, quanto aos materiais utilizados - esmalte sintético e aglomerado de madeira.

O artista era também designer gráfico, e fez nesta obra um cálculo do uso do espaço, de forma que o espectador fosse atingido de modo eficiente pela imagem. Utilizou, para isso, a psicologia da gestalt visual.

Por meio de figuras geométricos elementares – retângulos e curvas –, dispostos de modo simétrico e serial no espaço, surgem então dinâmicas vertical e horizontal, um exercício para nossos olhos. Os tons de cinzas, brancos e pretos são neutros e fazem fixar a atenção nas formas, que se alternam em figura e fundo.

Tatiana Rysevas Guerra
[bolsista
]
Profa. Dra. Daisy V. M. Peccinini de Alvarado
[coordenadora do projeto]