menu lateral

Seminário Internacioal

Arte Popular e História da Arte
Gonzalo Arqueros - Universidade do Chile

25 a 27 de Abril, das 14 às 17 horas

Sob coordenação de Cristina Freire, docente do MAC USP, o seminário é uma atividade do Programa de Pós-graduação Interunidades em Estética e História da Arte. Propõe a análise da Arte Popular enquanto categoria estética, objeto de estudo e concepção historiográfica, assim como avalia sua importância na teoria e seus desdobramentos na história da arte atualmente. Tem como objetivo contribuir para a análise da história e da crítica da Arte Popular no contexto da América Latina, em especial do Chile. Pretende situar historicamente o pensamento e obra de intelectuais e críticos latino-americanos acerca do tema, em especial o chileno Tomás Lago (1930-75), criador do Museu de Arte Popular da Universidade do Chile.

Tópicos das aulas
1. Genealogia da Arte Popular como objeto de estudo e conceito estético na historiografia da arte.
2. Que consequências trouxe o conceito de Arte Popular para a História da Arte?
3. Contribuições para a Arte Popular na América Latina: Tomás Lago, José María Arguedas, Mario Pedrosa, Ticio Escobar.

Apoio
Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo
GEACC - Grupo de Estudos em Arte Conceitual e Conceitualismos em Museu
CAPES – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nivel Superior

Vagas limitadas (15 vagas)

Valor R$ 50,00

Inscrições abertas por email – cursosmac@usp.br – ou presencialmente na Secretaria Acadêmica do Museu, à Rua da Praça do Relógio, 160-A, Cidade Universitária.

Informações (11) 3091.3559

MAC USP
Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301

Localização

Contato


Crédito | Conteúdo